sexta-feira, 29 de fevereiro de 2008

OS MOSCARDOS-FUSCOS OFUSCAM!...

Imagens de Ophrys lupercalis registadas em Fonte Coberta, Condeixa-a-Nova, Beira Litoral, a 21/02/08.

A Ophrys lupercalis J. Devillers-Terschuren & P Devillers possui 2 (3) tubérculos, subglobosos, sésseis. Folhas basais com 1,7 - 10 cm de comprimento por 1 - 4,5 cm de largura, de ovadas a ovado-lanceoladas. É uma planta com 8 - 29 cm de altura, até 10 flores medianas e de tonalidades claras. Sépalas verdes, 11 - 15 mm de comprimento por 4 - 8 mm de largura. Pétalas com 7 - 10 mm de comprimento por 1 - 2 mm de largura. Labelo trilobado, subhorizontal, 10 - 18 mm de comprimento, (8,5) 10 - 16 mm de largura, pouco convexo transversalmente, quase sem curvatura longitudinal, às vezes com uma franja amarelada a contorná-lo, com menos de 0,8 mm de espessura; base do labelo frequentemente descolorada, com relevos longitudinais proeminentes, mas que não provocam uma curvatura longitudinal, com a parte apical ligeiramente curvada para baixo; pilosidade labelar desordenada; mácula alargada e variada, chegando quase às fendas, frequentemente em forma de W, habitualmente indivisa, de cores variadas: azul, acinzentada, avermelhada ou leitosa; lobos laterais separados do lobo médio por fendas bem marcadas; parte inferior do labelo verde pálida. Ginostémio curto, obtuso.
Espécie de floração precoce, de sítios soalheiros ou de meia-sombra, em solos arenosos, calcários ou margosos, secos: matagais, clareiras de bosques.
Ocorre na Beira Litoral, Estremadura, Ribatejo, Alto Alentejo, Baixo Alentejo e Algarve.


A Ophrys fusca Link, com 2 (3) tubérculos subglobosos, sésseis ou subsésseis, é uma planta com um caule erecto de 10 - 25 (44) cm de altura. Folhas basais oblongas a oblongas-lanceoladas, obtusas e apiculadas. Inflorescência com 2 - 10 flores grandes. Sépalas de verde-amareladas a verde-esbranquiçadas, bordos reflexos, com 11 - 16 mm de comprimento por 5,5 - 9 mm de largura; as laterais patentes, oval-lanceoladas, assimétricas; a dorsal de oboval a elíptica, côncava, curvada por cima do ginostémio. Pétalas glabras, erectas, verde-amareladas a oliváceas, 8 - 12 mm de comprimento por 2 - 4 mm de largura, oblongas, às vezes subespatuladas, arredondadas no ápice e bordos mais ou menos ondulados. Labelo com 15 - 22 mm de comprimento por 11 - 17 mm de largura, trilobado, aveludado, castanho ou castanho-avermelhado, subhorizontal na base e depois pendente, convexo lateralmente, bordos curvados para baixo, parecendo, por vezes, estreito, base do labelo com 2 nítidos relevos longitudinais proeminentes que acentuam a curvatura longitudinal (contracção), parte média inclinada e relativamente plana, parte apical curvando-se novamente para abaixo; lobos laterais de triangular arredondados a subrômbicos; lobo médio obcordiforme, por vezes emarginado; pilosidade labelar ordenada, um pouco escura com reflexos violetas; mácula basal com 8 - 13 mm de comprimento, bilobada, em forma de W ou subrectangular, azul marmoreado de violáceo-acinzentado, frequentemente brilhante, com pêlos acinzentados dispersos; parte inferior do labelo maioritariamente verde, às vezes com um bordo verde-amarelado, mais ou menos forte e amplamente tingido de púrpura ou cinzento-acastanhado. Ginostémio com 4 - 6 mm, obtuso, verde ou de um verde-amarelado no dorso, amarelo nos lados, não apiculado. Cavidade estigmática com 2 - 3 mm de comprimento por 3 - 4 mm de largura, geralmente verde-amarelada ou verde-esbranquiçada. Ovário cilíndrico, não retorcido.
Espécie de floração relativamente tardia, de sítios soalheiros ou de meia-sombra
, em solos arenosos, calcários ou margosos, secos: matagais, clareiras de bosques.
Ocorre na Beira Litoral, Estremadura, Ribatejo, Alto Alentejo, Baixo Alentejo e Algarve.

Imagens de Ophrys fusca registadas na Terrugem, Sintra, Estremadura, a 04/04/07.

1 comentário:

Cytisus disse...

Oi
Blog muito bom com lindas orquideas.
Também tenho algumas no meu(http://cytisus.blogspot.com/)e tenho intenções de postar muitas mais.
Saudações florestais e continua com o bom trabalho.
P.S: Bonitas fuscas